Grid

domingo, 17 de março de 2013

Bolo de iogurte com compota


De volta aos desafios das Dories, trago-vos hoje uma das receitas mais participadas de sempre: um bolo de iogurte. A receita original é com marmelade (compota de laranja)  que é provavelmente um dos sabores que mais detesto. Por isso fiz o meu com compota de cereja e gengibre, mas as opções são quase infinitas. O resultado, esse, é um bolo fofo com um sabor delicado, muito bom com a compota, mas cujo sabor não deixa a desejar se se comer simples, sem nada mais.



Certamente a repetir.

*****

French yogurt cake with marmelade glaze
"Baking", Dorie Greenspan


Bolo

Cento e quarenta gramas de farinha
Cinquenta gramas de amêndoa ralada (ralei a minha com pele porque gosto da textura)
Duas colheres de chá de fermento em pó
Uma pitada de sal
Duzentas gramas de açúcar (fiz com cento e cinquenta)
Raspa de um limão
Um iogurte natural
Três ovos grandes
Meia colher de chá de extracto de baunilha
Cento e vinte mililitros de óleo

Cobertura

Meia chávena de compota de laranja (usei de cereja com gengibre)
Uma colher de chá de água

Pré-aquecer o forno a cento e oitenta graus. Untar generosamente com manteiga uma forma de bolo inglês de 21x11 centímetros. Misturar os secos numa tigela. Noutra, juntar o açúcar e as raspas de limão, esfregando os ingredientes com as pontas dos dedos para o açúcar ficar perfumado. Juntar o iogurte, os ovos e a baunilha e bater vigorosamente cim uma vara de arames até obter uma mistura homogénea. Juntar os ingredientes secos, bater bem e incorporar o óleo com uma espátula. Levar ao forno durante cerca de cinquenta minutos. Desenformar depois de frio.

Fazer uma calda, levando ao lume a compota e a água. Pincelar o bolo com a calda quente e deixar arrefecer antes de servir.


14 comentários:

  1. Susana sem dúvida é um bolo que nos desafia a melhorar!! Cada uma com a sua versão e esta tua de ter colocado a amêndoa com pele agrada-me bastante!! Já para nao falar da compota de cereja!!
    Eu sou servida de uma fatia, generosa!!!
    Beijinhos,
    Mena.

    ResponderEliminar
  2. Este bolo tem mesmo um mundo infindável de coberturas e a tua de cereja e gengibre soa muito bem....Ficou muito guloso!
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  3. Já comia uma fatia a acompanhar um bom chá
    Bom domingo
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Confirmo a tua descrição. Não é um bolo inesquecível, não fora a compota. Tenho marmelade feita por mim que, per si, não gosto nada. Porém,em bolos ou tortas enriquece-os bastante, não se fazendo sentir o sabor amargo da dita.
    Beijinho e bom Domingo
    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei se me arrisco a experimentar a marmelade... mas se tu dizes... :)

      Eliminar
  5. Não participei desta vez mas também me pareceu que era 'apenas' um bolo de iogurte e a ideia de doce por cima não me seduziu. As participações têm sido entusiásticas e o teu tem muito bom aspecto.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu achei muito bom, Leonor, mais leve que os bolos de iogurte comuns. beijinho!

      Eliminar
  6. Não tive tempo de fazer este bolo, mas quando o fizer vai ser com esta compota, que adoro! Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bolo de iogurte fica mesmo bem com frutos vermelhos! Eu acho! beijinhos

      Eliminar
  7. Certamente ficou delicioso. Adorei essa compota.
    Kiss, Susana

    ResponderEliminar

Pin it

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...