Grid

terça-feira, 3 de junho de 2014

Pargo assado asiático


Na segunda edição do Quinze dias com..., o convidado é o Henrique Sá Pessoa, um chef que muito aprecio por variadíssimas razões, mas sobretudo pela simplicidade e sofisticação das suas receitas. Foi uma das minhas companhias durante a licença de maternidade do Tiaguinho, em que passava uma hora em cada três presa ao sofá, com movimentos muito limitados (sim, o rapaz era mesmo mamão) e que pouco mais conseguia fazer para além de ver televisão.


Apesar de não ter nenhum dos livros, o site do Ingrediente Secreto é muito completo, pelo que tenho vindo a fazer algumas receitas desde então. Esta nunca tinha experimentado: na versão original é feita com salmonete, mas usei filetes de parguinho do mar e ficou muito bom. O sabor é suave, respeitando o peixe, mas para a próxima vou experimentar deixá-lo marinar uns minutos no molho antes de levar ao forno. É que é um molho mesmo bom! 
A outra alteração que fiz foi o chili: não tinha fresco, então omiti-o no meu envelope e troquei-o por tabasco no do André. Ah, e esqueci-me do tomate... 


Uma receita simples e rápida e mais uma maneira diferente de fazer peixe. Servi com uma mistura de arroz branco e arroz selvagem.

*****

Salmonete (Pargo) assado à asiática

Adaptada da receita do programa Ingrediente Secreto, do Henrique Sá Pessoa, retirada daqui

Uma malagueta (não usei)
Duas colheres de sopa de molho de soja
Dois dentes de alho
Uma laranja
Um tomate (esqueci-me!!!)
Cinco floretes de brócolos
Um salmonete (usei filetes de pargo)
Coentros a gosto
Azeite
Flor de Sal
Pimenta Preta, moída no momento

Colocar um fio de azeite numa folha de alumínio ou de papel vegetal. Laminar o alho finamente e separar as floretes de brócolo. Picar a malagueta. Dispor os coentros no papel, depois a raspa de laranja, os brócolos, o tomate em pedaços (sem pele nem grainhas), a malagueta e o alho. Temperar os filetes com flor de sal e pimenta preta e cobrir os legumes com os filetes. Regar com um pouco de molho de soja e um pouco de sumo de laranja. Selar bem, para não sair nenhum calor nem líquido e levar ao forno a 180º, entre quinze e vinte minutos.

2 comentários:

  1. Ficou com muito bom aspecto e esse arroz está mesmo fantástico.
    Uma sugestão bem ao meu gosto, adoro peixinho.

    beijinho

    ResponderEliminar
  2. Susana,
    bem te compreendo, o meu filhote também era assim, eu já me via um biberão ambulante :)
    Adorei este pratinho, gosto muito de peixe em papelote, fica mais saboroso e tenho a certeza que este estava delicioso.
    Bjns
    Isabel

    ResponderEliminar

Pin it

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...