Grid

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Empanadas de maçã



A receita da quinzena do Dorie às Sextas chama o outono. Umas empadas de maçã e canela, com uma massa maravilhosa que se desfaz na boca. Ou não fosse flaky, essa descrição de massa que me atemoriza sempre.


É que fazer massas não é definitivamente o meu forte... e confesso que temi pelo resultado final desta. A manteiga ficou em pedaços demasiado grandes e, apesar de estar bem dura quando saiu do frigorífico, rapidamente ficou mole e pegajosa na bancada.


Mas no final, tudo correu bem... 
Em vez da capa de ovo sugerida na receita, pincelei as minhas empanadas com doce de morango. É o que costumo fazer na tarte de maçã e gosto sempre do resultado final, que fica ligeiramente caramelizado.


Mais uma receita vencedora da nossa Dorie.

*****

Flaky apple turnovers
Baking, Dorie Greenspan
Para a massa

1 chávena de nata azeda
1/2 chávena de açúcar
4 chávenas de farinha
1 colher de chá de sal
340 gramas de manteiga sem sal fria, cortada em pedaços pequenos

Para o recheio

1 colher de sopa de farinha
1/2 chávena de açúcar
1/4 colher de chá de canela em pó
4 maçãs Fuji ou Granny Smith, descascadas, descaroçadas e cortadas em pedaços pequenos
45 gramas de manteiga sem sal fria, cortada em pedaços pequenos

Doce de morango, para pincelar

Para a massa

Misturar a nata com o açúcar. Reservar. Misturar a farinha com o sal numa tigela grande e adicionar os pedaços de manteiga. Com uma picadora, duas facas ou com os dedos, cortar a manteiga juntamente com a farinha até parecer areia grossa, com cuidado para não trabalhar excessivamente a massa. Com um garfo, fazendo um movimento para cima e para baixo, misturar gentilmente a nata. A massa vai ficar muito mole.
Dividir a massa ao meio, colocando cada metade em película, usando-a para moldar em forma de rectângulo. Embrulhar a massa e refrigerá-la durante pelo menos uma hora ou até dois dias.

Para o recheio

Misturar farinha, açúcar e canela nuuma tigela grande. Juntar as maçãs e envolver bem.

Preparação (c. 16 turnovers)

Pré-aquecer o forno a 190ºC. Posicionar as grades de modo a dividir o forno em terços. Forrar dois tabuleiros com papel vegetal ou tapetes de silicone. Esticar uma parte da massa até uma espessura de 3,2 mm e cortar círculos de 11,5 cm com um cortador grande ou com uma forma de tarteletes. Repetir com a 2ª parte da massa. Rende 7 a 8 rodelas por porção de massa Pode ainda fazer-se mais uns quantos com os restos da massa, novamente refrigerada e esticada, mas não terão a mesma leveza. Colocar 1-2 colheres de sopa da maçã e, por cima do recheio, colocar pequenos pedaços de manteiga. Molhar as extremidades da massa com um pouco de água, dobrar os turnovers ao meio e selar a massa, pressionando um garfo sobre os extremos. Furar a massa com o garfo para deixar sair o vapor e transferi-los para os tabuleiros. (Neste ponto, podem ser congelados durante 2 meses, bastando levá-los ao forno sem descongelar e acrescentar mais uns minutos ao tempo de cozedura).
Pincelar o topo com a mistura de ovo e polvilhá-los com uma pitada de açúcar. Leva ao forno durante 20 minutos, trocando os tabuleiros de baixo para cima e rodando-os a meio da cozedura (aos 10 minutos). Deverão ficar inchados, firmes ao toque e dourados. Deixar arrefecer à temperatura ambiente.




5 comentários:

  1. Hummmm, que aspecto deliciosos! Quero uma, se faz favor!

    ResponderEliminar
  2. Hmmmm...perfeitos, parabéns!!!!
    Impossível não ficar com água na boca!!!!!
    Beijos e ótimo final de semana pra ti! =)

    ResponderEliminar
  3. Desta vez não deu para participar mas fiquei com a receita de lado para experimentar no Natal. Ficaram com um aspecto delicioso.

    Beijos
    Clarinha

    ResponderEliminar
  4. Que boas, adoro o contraste da massa com as maçãs, ficaram lindas e gulosas.

    beijinhos

    ResponderEliminar

Pin it

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...